Duas semanas após contratar sua equipe de Overwatch, a Team SoloMid acabou por dispensar todos seus jogadores. O motivo do fim do vínculo foram as novas alegações sobre o passado de trapaça de Nicolas ‘NicolasTJO’ Aubin e Jake ‘torkTJO’ Lepoff, banidos de competições de Counter-Strike: Global Offensive por uso de cheaters.

Quando estávamos negociando, NicolasTJO e torkTJO contaram sua história no CS:GO. Ficamos desapontados em ouvir aquilo, mas acreditamos que mesmo assim faríamos o time funcionar,

divulgou a TSM em nota oficial.

Os dois jogadores foram banidos pela CEVO, uma das principais plataformas privadas de jogo no CS:GO.

Ambos foram pegos com “programas maliciosos em seu computador” enquanto disputavam jogos nos servidores da empresa.

Os jogadores que defendiam a Code 7, porém, não devem ficar muito tempo sem casa. A compLexity Gaming está interessada na equipe e a TSM não deverá colocar obstáculos na transferência.

Andy “Reginald” Dihn, proprietário da TSM, destacou que:

Não quero que o legado da organização esteja associado com alegações de conduta duvidosa.

O comunicado oficial não deixou claro se a TSM procurará por outra escalação de Overwatch num futuro recente.