Uma empresa britânica de telecomunicações diz que a Valve está infringindo patentes com sua loja virtual STEAM.

 

Uma das mais antigas companhias de telecomunicação do mundo está processando a Valve por conta do Steam. A British Telecommunications (BT) registrou uma ação judicial federal contra a Valve, alegando que a desenvolvedora infringiu diversas patentes com sua plataforma de distribuição e mercado de jogos e itens.

Em um documento de 111 páginas obtidas pelo site espn, a BT especificamente aponta para as funções de armazenamento de jogos de terceiros do Steam, assim como algumas de suas funcionalidades de transmissão, chat e mensagens.

“Apesar das repetidas tentativas da BT de chegar a um acordo amigável e dos numerosos pedidos para que a Valve parasse de infringir as patentes, a Valve continua infringindo-as intencional e arbitrariamente”

– advogado da BT

A ação judicial, registrada na corte federal de Delaware, EUA, tem como alvo o modo principal pelo qual jogadores jogam, assistem, interagem e compram eSports. Em qualquer momento, milhões de gamers estão online por meio da interface do Steam.

“A plataforma digital e online de distribuição de videogames da Valve, o Steam, é a maior do mundo e suporta milhares de jogos, alguns dos quais foram desenvolvidos pela própria Valve, enquanto outros foram desenvolvidos por diferentes desenvolvedoras”

– advogados da BT.

A Biblioteca, o Chat, o serviço de Mensagens e a funcionalidade de Transmissão do Steam são especificamente mencionados no processo. As quatro patentes – denotadas pelo sobrenome de seu principal inventor – estão inclusas no documento como anexos. Screenshots de Counter-Strike: Global Offensive, jogo da própria Valve, e de outros títulos também foram colocadas no processo.

Inventores obtêm patentes como forma de proteger legalmente seu trabalho de serem copiados por outras pessoas sem permissão. A violação de uma patente pode resultar em indenização monetária e determinações legais para prevenir que o infringimento continue.

“A BT iniciou essa ação para recuperar a recompensa junta que deve ser paga pela Valve pelo infringimento passado e para evitar que a empresa continue a se beneficiar das invenções patenteadas no futuro sem autorização da ou compensação para a BT”,

– advogados da BT

A ação judicial da British Telecom não faz referência a nenhum aspecto relacionado a apostas do Steam, mas chega em meio a outros processos alegando que a Valve facilitou a aposta de skins em vários sites de terceiros. Os casos sobre as apostas de skins ainda estão em sua fase inicial.

Nenhuma alegação do novo processo da British Telecom foi analisada por um juiz ou juri até o momento, e a Valve ainda precisa responder formalmente à reclamação.

.